Páginas

27 de dez de 2013

Fenômenos UFO em Litoral Paranaense


Um grupo de ufólogos de Itapoá (SC) estuda fenômenos que estariam ocorrendo na estrada Cornelsen, que liga a cidade a Guaratuba (PR). De acordo com o Grupo de Pesquisa Científica e Ufológica de Itapoá (GPCUI), “há diversas histórias sobre acontecimentos estranhos nesta estrada como um tipo estranho de neblina, luzes que perseguem veículos, objetos não identificados sobrevoando a rodovia, seres estranhos avistados, pane elétrica em veículos entre outras coisas”. 

Leia este relato, publicado no blog do GPCUI:


Para aumentar o mistério, todos estes acontecimentos ocorrem exatamente em uma única região da estrada, em um trecho de aproximadamente cinco km após a divisa do estado do Paraná com Santa Catarina (círculo vermelho).

O GPCUI passou a estudar os casos que ocorrem nesta região após ter recebido diversos relatos recentes de acontecimentos no local, entre eles, o evento descrito abaixo.

"No dia 23 de junho de 2013, por volta das 20 horas aproximadamente, duas moradoras de Itapoá, aqui identificadas como M.M. e F.F.M. estavam retornado de Guaratuba-PR.

O deslocamento entre os municípios de Guaratuba a Itapoá leva-se em torno de 30 a 40 minutos em velocidade mediana, por volta de 80 km/h.

Ao passar pela ponte do rio Sai-Mirim que faz divisa dos municípios de Guaratuba e Itapoá, além da divisa de estado entre PR e SC.

O carro simplesmente apagou incluindo as luzes do veículo.

As duas ocupantes puderam notar a Lua Cheia que naquela noite estava sendo a Super Lua, pois a luz da mesma era a única luz a iluminar a estrada completamente escura.

As duas testemunhas sentiram calafrios e a sensação de estarem sendo observadas. Inclusive uma lanterna que estava dentro do veículo e os aparelhos celulares não estavam funcionando.

Tomadas pelo desespero elas tentaram dar a partida no veículo por diversas vezes até que em um determinado momento o carro pegou com muita dificuldade e com extrema lentidão conseguiram que o carro se locomovesse para que pudessem se deslocar pelos 12 km restantes até o município.

Ao estarem chegando próximo ao balneário da Barra do Saí o veículo voltou a sua normalidade, mas a sensação de medo e de estarem sendo observadas tomava conta das duas mulheres ocupante do veículo.
O que chamou a atenção foi o fato de uma viagem que leva em torno de 30 minutos ter levado quase duas horas, sendo que as duas mulheres testemunharam que não haviam percebido que tinham ficado tanto tempo paradas na estrada.

Ao chegarem em casa, acionaram o serviço de mecânica e quando o veículo foi periciado, nenhum problema foi localizado com o mesmo, a bateria estava carregada e não aparentava problemas, fusíveis todos em perfeita ordem, nenhuma lâmpada do veículo queimada etc."

* A pedido, o nome das envolvidas não foi divulgado.

O que teria ocorrido naquela noite?

Teria sido apenas uma pane elétrica no veículo e o local escuro a beira da estrada teria causado um ataque de pânico em ambas as ocupantes e causado a sensação de que estavam sendo observadas?

Teriam as ocupantes sofrido uma alucinação?

Teriam as mulheres não percebido que haviam permanecido mais tempo paradas na estrada do que haviam pensado e isto causou uma sensação de perda de tempo?

Ocorreu uma interferência eletromagnética causada por algum objeto provocando a pane no veículo?

Este objeto poderia ter sido um OVNI?

Este próximo foi com um dos próprios ufólogos:

"No último sábado, dia 28 de Setembro, por volta das 22h28min eu estava voltando de Guaratuba, no Paraná, com mais dois amigos, sentido Itapoá, na estrada Cornelsen, quando nos deparamos com luzes na lateral direita do carro.

Até então achamos que poderia ser reflexo do farol batendo em alguma poça de água, testei os faróis, e as mesmas continuaram a nos acompanhar, estas iam e vinham em um movimento inconstante.

Não havendo mais nenhum carro na estrada, reduzi a velocidade, abrindo mais o vidro para constatar melhor o que estava vendo, e ver se havia algo em cima do carro, ou nas laterais, sem sucesso, continuei o trajeto até chegarmos na cidade, onde as luzes nos acompanharam."



São muitas dúvidas e perguntas ainda sem respostas. Eu (dono do blog cabulouso) moro em Curitiba - PR, e sinceramente, quando li tudo pensei #partiu #acampar #estrada #guaratuba #divisa_estados (hahahaha). Mas enfim... O que vocês tem a dizer sobre isso? Aliás, essas estradas do litoral estão cheio de ufólogos lá.

23 de dez de 2013

Cientista que trabalhou para a NASA fala sobre UFOs

Em uma apresentação em 2010, sob o assunto de controle gravitacional, propulsão de dobra e novas fronteiras para métodos avançados de propulsão espacial, o Dr. Eric W. Davis respondeu a vários questionamentos sobre UFOs. PhD em Astrofísica pela Universidade do Arizona, ele foi consultor do Projeto de Física de Propulsão Inovadora, conduzido pela NASA entre 1996 e 2002.

O evento de 2010 foi patrocinado pela Sociedade de Exploração Científica, e ao final de sua apresentação, após a abertura para perguntas, uma pessoa da platéia perguntou se as propriedades dos UFOs influenciavam os estudos naquele projeto. Davis respondeu: "Secretamente sim e abertamente não. UFOs não possuem credibilidade perante os pesquisadores acadêmicos, e as pessoas que tomam as decisões políticas, programáticas e econômicas não querem ouvir falar neles. Então, oficialmente não levantamos o assunto ufológico, mas sob a mesa os consideramos, sim".

Eric W. Davis é co-autor, ao lado de Marc G. Millis, do livro Frontiers of Propulsion Science [AIAA, 2009], que foi o tema principal da apresentação, e também publicou inúmeros artigos sobre física do vácuo do ponto zero, teletransporte e o potencial de buracos de minhoca transitáveis. Continuando a sessão de perguntas e respostas, ele comentou: "Alguns membros do projeto da NASA investigavam eventos e descrições físicas de casos ufológicos, que nos eram enviados por pesquisadores como George Hathaway. Jacques Vallee e outros".

O cientista mencionou até mesmo eventos observados no afamado Rancho Skinwalker, desde 1996 propriedade do bilionário robert Bigelow e onde paira uma suspeita aura de segredos. O local também é conhecido como Rancho NIDS, sigla de Instituto Nacional oara a Descoberta da Ciência, e declaramente serve a estudos de longo termo de fenômenos incomuns. De acordo com Davis, naquele local um cientista e um pesquisador observaram em certa ocasião algo que de fato se assemelhava a um wormhole, ou buraco de minhoca, de onde saiu uma criatura.

Em outro evento, Davis afirma que os donos do rancho observaram um tipo de abertura no céu em plena luz do dia, de onde saiu uma nave de formato triangular. o Dr. Davis compara essas observações com a física conhecida dos buracos de minhoca: "Estes são exemplos de informações que indicam a possibilidade de um wormhole. A geometria nos aponta como é a aparência desses túneis na estrutura do espaço-tempo contínuo quando fazem uma intersecção em nosso espaço. Se assemelham a um ponto de luz intensamente brilhante, e conforme a intersecção se alarga, também se abre e podemos ver o buraco". Nesse ponto o cientista afirma que o buraco de minhoca se torna transitável.


A respeito de UFOs e dobras espaciais, o método de viagem espacial tornado famoso pelo seriado Star Trek, ou Jornada nas Estrelas, Davis disse não terem indicações disso nos casos que estudaram, e que deve ser algo restrito a viagens interestelares, mas afirmou: "As pessoas testemunham UFOs fazendo curvas de noventa graus, ou movimentos muito rápidos. Eles desaparecem e reaparecem. Ainda é indeterminado como conseguem fazer isso".

A respeito de anti-gravidade, Davis comenta: "Nós temos anti-gravidade na Teoria Geral da Relatividade de Albert Einstein. Há espectos da anti-gravidade, da energia negativa de vácuo, que poderiam criar forças repulsivas que permitiriam levitar objetos. e os UFOs exibem esse comportamento". Ele mencionou na explicação o Modelo de Vácuo Polarizado elaborado pelo Dr. Hal Puthoff, dizendo: "Ao invés do tradicional espaço-tempo da Relatividade, podemos divisar o espaço-tempo como um vácuo polarizado de flutuações quânticas de ponto zero. Se inserirmos um campo nesse meio, as flutuações são polarizadas e criamos um efeito de dobra no espaço-tempo, similar ao de buracos de minhoca e propulsores de dobra".

Eric W. Davis, após o encerramento do programa da NASA por cortes de financiamento, tornou-se físico pesquisador do Advanced Studies-Austin, e CEO da Warp Drive Metrics.

Autópsia Alien


Eu sinceramente nem consigo dizer nada sobre este vídeo... Mas o que acham? Real ou não? Assistam... Reflitam... Pensem...

21 de dez de 2013

Antártica - Pirâmides

O derretimento das geleiras na Antártica revelam pirâmides


Três pirâmides antigas foram descobertas na Antártica, por uma equipe de cientistas americanos e europeus. Duas das pirâmides foram descobertas cerca de 16 milhas para o interior, enquanto o terceiro era muito perto da costa.

Os primeiros relatórios sobre as pirâmides apareceu na mídia ocidental no ano passado. Algumas fotos foram publicadas em alguns sites com um comentário que as estruturas estranhas poderiam servir como prova de que o continente coberto de gelo costumava ser quente o suficiente para ter tido uma antiga civilização antiga que ali vivem.


Imagem aérea tomada através do gelo do Pólo Sul parecem mostrar dois ou possivelmente três pirâmides em uma linha em uma formação semelhante às pirâmides de Giza.


Até agora, pouco se sabe sobre as pirâmides e a equipe é manter o silêncio sobre a descoberta. A única informação confiável fornecido pelos cientistas era de que eles estavam planejando uma expedição para as pirâmides para continuar a investigar e determinar com certeza se as estruturas foram artificial ou natural. Nenhum detalhe foi dado sobre o calendário da expedição.

Se os pesquisadores provam que as pirâmides são estruturas feitas pelo homem, a descoberta poderia levar a cabo uma revisão posterior da história da humanidade, como já fez.



Enquanto isso, uma série de descobertas estranhas, mas interessantes têm sido feitas recentemente na Antártica. Em 2009, cientistas do clima não encontrou partículas de  pólen, o que poderia dizer que as palmeiras, uma vez cresceu na Antártica e as temperaturas do verão chegou 21ºC. Três anos depois, em 2012, os cientistas do Instituto de Pesquisas do Deserto, em Nevada identificou 32 espécies de bactérias em amostras de água do Lago Vida na Antártica Oriental.

É possível que a Antártica já foi quente o suficiente no passado recente a ser uma civilização antiga que ali vivem? E ainda mais surpreendente é a questão de saber se uma cultura avançada, desenvolvida há haver algumas estruturas restantes ainda estão enterrados sob o gelo?

Os estudiosos e egiptólogos já suspeitavam que a Esfinge é muito mais antiga do que o esperado, possivelmente mais de 10.000 anos de idade. Os cientistas descobriram que a evidência de erosão hídrica na estátua antiga, a maior do mundo, tem uma história de mudanças climáticas a partir de uma floresta tropical ao calor do deserto em alguns milhares de anos. Se o clima no Egito mudou tão rapidamente, é igualmente possível que o clima da Antártica também poderia ter mudado drasticamente ao mesmo tempo?

De acordo com a teoria da correlação Robert Bauval e Adrian Gilbert, a construção das pirâmides de Gizé foram realizadas em um período anterior a um 12,500 ano 10.500 aC, motivando esta retroactividade para a correlação entre a localização das três principais pirâmides na Necrópole de Gizé e as três estrelas da constelação de Órion, e que esta correlação foi intencionalmente criado por pessoas que construíram as pirâmides.


A referência à data de 12.500 anos atrás, é significativo para Hancock, uma vez que a posição das pirâmides indicar o momento exato em que uma civilização avançada mais cedo viu a sua queda devido a um cataclismo global.

Em seu livro As Pegadas dos Deuses, Graham Hancock encontrou todas as pistas levam a um ponto preciso. De acordo com Hancock, as pirâmides foram construídas em todas as culturas ao redor do planeta e os seus monumentos configurações astronômicas contendo mais ou menos óbvio.


De antigos testemunhos de muitas comunidades - a Grande Esfinge do Egito, os misteriosos templos de Tiahuanaco, as linhas gigantes de Nazca, no Peru, as pirâmides maciças do Sol e da Lua no México - e os comparou com os mitos e lendas universal, com o estudo de mapas que datam desde os tempos antigos, o estudioso sugere a existência de um povo com uma inteligência superior que possuem tecnologia sofisticada eo conhecimento científico detalhado, cuja "pegada", no entanto, foram completamente exterminados pelos um desastre de enormes proporções.

Cada cultura tem adorado os seus reis como deuses. Suas religiões foram todas destinadas a encontrar a imortalidade da alma e seus sacerdotes eram os astrônomos, com o conhecimento antecipado dos movimentos celestes. A cobra-réptil é uma figura simbólica que está presente em todas as culturas e é considerado sagrado.

Esta grande unidade cultural, de acordo com Hancock, sugere que a civilização humana não nasceu de uma saída repentina do nada, mas foi "ajudado" por alguém com conhecimento cultural e tecnologia avançada. As provas que sustentam esta teoria é a expansão da agricultura.

Descobriu-se que a agricultura nasce simultaneamente em pelo menos seis regiões do mundo sem ligação aparente entre eles: América Central e do Sul, o Crescente Fértil, África Central, Leste da China e do Sudeste Asiático.

Em conclusão

Se olharmos com alarme os relatórios do aquecimento global alertando que tanto o Ártico e a Antártica estão derretendo. Muitos de nós pode viver para ver o dia em que será exposto em todo o continente da Antártica, como todos os artefatos antigos que existiam lá. Se houver uma pirâmide gigante vai mudar o pensamento do mundo para sempre.

Até o momento não conseguimos recriar as grandes pirâmides. Nós simplesmente não temos a tecnologia.

Portanto, a questão é quem, ou o quê, é que estas pirâmides na Antártica? O que eles deixaram para trás?

Vídeo proibido da NASA - Civilização da Lua

Bom, ainda cabe o mistério se os astronautas chegaram ou não a Lua, não é? E se realmente foram, porque tão poucas imagens para nós sobre o território? E, repararam ultimamente, que não há mais notícias de astronautas indo a Lua? O último foguete lançado para a Lua faz algumas semanas, e adivinha só... NÃO TRIPULADO. 

Caso este vídeo seja real, ele tem fortes revelações do que a NASA esconde de nós... Talvez mais do que imaginamos....


O Homem Mais Sortudo do Mundo... Ou não...

Frane Selak, esse é seu nome. Este é um nome que ficará guardado por gerações em sua terra natal. Com 85 anos, ele pode ter tido mais sorte do que você teria vivendo 6732465735 anos. Nascido na Croácia, Selak trabalhou como professor de música e agora, aos 85 anos, está aposentado. Esse simpático senhor poderia facilmente deter dois títulos completamente opostos: o de homem mais azarado do mundo e o de a pessoa com mais sorte de todos os tempos.

O PASSEIO DE TREM

Tudo começou em 1962, durante uma viagem de trem a Dubrovnik. O passeio ia bem até que um acidente fez com que o trem simplesmente saísse dos trilhos e despencasse em um rio que estava congelado. Saldo para nosso viajante: um braço quebrado e hipotermia, o que foi resolvido assim que o resgate chegou. Os outros passageiros não tiveram a mesma sorte.



Aeroplane

No ano seguinte, Selak decidiu fazer uma viagem de avião, mas, durante o voo, uma porta da aeronave simplesmente arrebentou. O viajante azarado foi simplesmente arremessado para fora do avião. O que é que acontece com alguém que cai de um avião em pleno voo? A pessoa morre, certo? Se essa pessoa for Selak, errado – o cara teve a sorte de cair sobre um monte de palha (como senhor?). Ele estava inconsciente quando foi resgatado, mas se recuperou bem, com apenas alguns arranhões. Os outros passageiros do avião morreram.



Selak esperou três anos para quase morrer novamente. Era apenas uma viagem de ônibus, mas o veículo acabou despencando e indo parar em um rio. Como essa não era a primeira vez que algo do tipo acontecia com a pessoa que mais driblou a morte nos últimos tempos, o professor apenas saiu nadando, são e salvo, com apenas alguns arranhõezinhos para contar história.

CARRO BOMBA

Depois de três quase mortes, é normal que uma pessoa se sinta um pouco desmotivada, e, talvez por isso, Selak resolveu passar um tempo mais retirado, evitando pisar em trens, ônibus e aviões. Essa reclusa durou quatro anos e, num belo dia, quando tinha decidido dar uma voltinha de carro, o veículo pegou fogo enquanto Selak estava ao volante – ele saltou para fora do automóvel e correu a ponto de conseguir fugir da grande explosão que aconteceu alguns segundos depois.


Se o acidente de avião fez com que Selak nunca mais pisasse em uma aeronave, o de carro parece não ter sido assim tão traumático e, logo depois da explosão, ele comprou outro automóvel. Você acha que essa foi uma boa ideia? É lógico que não foi! O carro novo durou três anos até explodir novamente. A diferença é que, dessa vez, Selak teve alguns ferimentos e queimaduras, e não apenas arranhões. Mas nada mais sério.

Depois disso, algo poderoso deve ter acontecido, talvez o professor tenha começado a usar algum tipo de armadura ou capacete fixo, a gente não sabe. O fato é que ele ficou mais de 20 anos sem sofrer acidente algum. Será que ele poderia viver feliz para sempre acreditando que tudo o que havia de ruim já tinha acontecido em sua vida?

Nós já percebemos que usar meios de transporte não era exatamente a melhor escolha para Selak, mas será que ele correria algum tipo de perigo enquanto estivesse andando?

Durante uma caminhada em Zagreb, Selak foi atropelado por um ônibus e – adivinha – saiu ileso! A esse ponto já devia estar acreditando ser um tipo de homem biônico ou um X-men.

Em 1996, Selak resolveu sair dirigindo em regiões montanhosas e, de repente, achou que seria uma boa ideia parar em uma esquina e observar um caminhão que vinha em sua direção e, sem ter para onde fugir, ele foi contra uma barragem e acabou despencando de uma altura de mais de 90 metros. No meio do caminho, porém, tinha uma árvore e, claro, nosso ninja agarrou-se a ela e escapou do carro que despencava.


O homem ficou conhecido como o mais sortudo de todos os tempos, embora esse título seja controverso: é sorte escapar da morte, mas é sorte também sofrer tantos acidentes assim? Foi essa dúvida que Selak quis sanar em 2003, quando resolveu apostar na loteria. Resultado: ele ganhou US$ 1 milhão.

Cinco anos depois de engordar seu saldo bancário, ele começou a distribuir dinheiro para seus familiares e amigos. Um dos bens que ele tinha adquirido era uma casa em uma ilha, mas a propriedade foi vendida e o dinheiro, doado. Ele dizia que já tinha tudo o que precisava para se considerar feliz – o único dinheiro que ele guardou foi o usado para fazer uma cirurgia no quadril e construir um santuário para a Virgem Maria.

Agora leitores, uma pergunta pessoal: E se ele tentasse cometer suicídio?? O.o 

Abandono

Bom, como alguns devem ter percebido, faz MUITO tempo que não posto nada. Pois bem, eu andei muito ocupado e com pouco tempo. A questão é que a partir de agora meus posts vão ser muito pouco frequentes... Eu andei procurando por todo esse tempo ao menos uma pessoa para postar comigo, mas nada. Ninguém se interessa, sem contar que perdi meu amigo autor que tinha (perdi ele pra um blog de piadas ¬¬ ) por tanto até achar alguém, meus post devem se limitar a 2 por semana (o que é pouco já que eu postava quase 8 ou 9 por semana). CASO ALGUÉM SE INTERESSE EM SER AUTOR, CLIQUE NA ABA "SEJA AUTOR".

Obrigado

19 de nov de 2013

Mars Evolution

Nasa divulgou na quarta-feira uma simulação que mostra o planeta vermelho quando ele era jovem. Os cientistas acreditam que há bilhões de anos Marte era bem diferente do que é hoje, com uma densa atmosfera que era quente o suficiente para manter oceanos de água líquida - um ingrediente essencial para a vida como conhecemos.

A baixa pressão atmosférica e o frio da superfície marciana não permite a água em estado líquido atualmente no planeta. "Há canais dendríticos estruturados que, assim como na Terra, são consistentes com a erosão de superfície causada por fluxo de água", diz Joseph Grebowsky, do Centro Espacial Goddard, da Nasa. Segundo o cientista, em algumas crateras, há evidências de que se formaram lagos nos locais. Além disso, há minerais que se formam apenas na presença de água líquida, como hematitas.

O vídeo mostra a passagem desses bilhões de anos, quando a água seca, o planeta se torna frio e a atmosfera perde seu azul. Não se sabe se Marte teve água líquida tempo o suficiente para desenvolver vida. Não se tem certeza também qual foi o motivo para essa mudança drástica no planeta.

A nova sonda da agência, a Maven, que foi lançada há alguns dias, irá investigar a mudança no clima de Marte.  Amei esse vídeo...


18 de nov de 2013

12 Abandonados e Belos Lugares

Algumas pessoas são fascinadas por lugares abandonados. Aquela sensação de que o tempo passou, apesar daquele lugar um dia ter tido alguma vida...

1 - Usina (não sei dizer qual)


2 - Pista de Boliche em Nova York


3 - Cidade Fantasma devorada pelo deserto da Namíbia


5 - Destruição do SS America na costa de Fuerteventura, Ilhas Canárias


6 - Mansão europeia


7 - Pavilhão desportivo em Detroit

8 - Estação de metrô Hidden, em Nova York


9 - Clube de strip ilegal em cidade resort em uma montanha do Japão


10 - Motel esquecido nas planícies do Texas


11 - Castelo europeu



12 - Sede do Partido Comunista (em algum lugar na Europa)


9 de nov de 2013

Píton Engolindo Jacaré Vivo

Nunca antes a expressão ‘engolir vivo’ havia feito tanto sentido para mim quanto depois de assistir a este vídeo. Nele, uma Píton-real (Python regius) ou Python Ball devora um jacaré e ainda sai andando com ele vivo em sua barriga (puta que pariu)... Imagens realmente chocantes, fracos irão se abster... deu até medo das matas agora


7 de nov de 2013

Não Faça Perguntas As Quais Não Querem Saber a Resposta

"Você sabe que estamos aqui. Somos a presença que o força você a correr escadas abaixo, como se os degraus fossem feitos de carvão quente. Somos a coisa que impede você de se virar e olhar para trás quando está andando num beco escuro...

Somos a coisa que fez você se esconder debaixo de seus cobertores. Achamos inútil. Poderíamos arrancar eles de suas fracas e amedrontadas mãos se quiséssemos, mas não queremos. Não agora. Se você continuar a fugir de nós, como deve fazer, não sentiremos a necessidade de pegar você. Ao menos não agora, de qualquer jeito.

Mas se nos confrontar, tentar ser amigável, ou qualquer coisa do tipo, vai se arrepender profundamente. A única coisa que nos mantém sem querer pegar você é que nos divertimos brincando com você.

Se você tentar qualquer coisa estúpida como andar devagar pelos becos escuros com sua cabeça esticada procurando algo, iremos encontrá-lo. E as pessoas que acharem seu corpo terão sorte se conseguirem algo que possa usar para identificá-lo.

Porém se você tentar algo mais, mais arriscado, algo talvez como o jogo do copo, nós não precisamos lhe achar. Pois coisas bem piores do que nós com grandes olhos vermelhos e brilhantes, vão pegá-lo. Se lembra daquele caso de certa pessoa que sumiu após jogar e que a polícia disse ter fugido, depois disse ter ela como desaparecida e anos depois não acharam nem o corpo nem a pessoa? As criaturas que a pegaram não mostraram tanta misericórdia como nós mostramos, e como poderiam? Estariam ocupados demais, pegando os pedaços quentes de sua carne grudada nos dentes deles.

Então da próxima vez que você ficar rebelde, não fique. Se ficar, reze para que o encontremos, e não as criaturas piores que nós. Coisas além de seus piores pesadelos, coisas que vão persegui-lo em seus sonhos mais doces. Então não nos procure... Nem procure eles...

E pare de olhar debaixo de sua cama. Ou de olhar no armário. Por último pare de abrir a porta ou a cortina do banheiro para se sentir mais seguro. Porque, certa vez, quando você o fizer, alguém estará lá. Eles não são amigáveis. Você gostaria de saber o que eles estão fazendo ali, ou o que eles são?

Mas acredite em mim, eu fui uma vítima dessa ignorância. Você nunca deve perguntar coisas as quais não quer saber a resposta. É isso mesmo. Joguei um joguinho. Perguntei algo que não queria saber a resposta no fim das contas. E agora não é mais um joguinho, agora é vida. Agora estou preso para sempre; dentro do mundo dos meus assassinos. Estou observando, esperando. Apenas esperando para lhe puxar para dentro desse abismo na qual minha alma reside. Então apresse-se agora, porque a este ponto você já sabe demais. E eles já devem estar em sua casa. Olhando. Esperando. E na próxima vez que olhar procurando por eles, ou por nós, não vamos nos esconder. 

E lembre-se sempre: Não faça perguntas as quais não querem saber a resposta..."  

O que diz a bíblia sobre os Dinossauros?


O tema dos dinossauros na Bíblia é parte de um debate que se desenvolve dentro da comunidade cristã a respeito da idade da terra, da interpretação correta do Gênesis e de como interpretar as evidências físicas que nos cercam. Aqueles que acreditam em uma idade mais antiga para a terra tendem a concordar que a Bíblia não menciona os dinossauros, pois, de acordo com seu paradigma, os dinossauros desapareceram milhões de anos antes que o primeiro homem andasse sobre a terra. Os homens que escreveram a Bíblia não poderiam ter visto dinossauros ainda vivos.

Aqueles que crêem que a terra é mais jovem tendem a acreditar que a Bíblia menciona os dinossauros, apesar de jamais haver usado a palavra “dinossauro”. Ao invés, usa a palavra tanniyn, vinda do Hebraico. Tanniyn é traduzida de algumas poucas maneiras diferentes nas Bíblias de língua inglesa; às vezes como “monstro do mar”, às vezes como “serpente”. É mais comumente traduzida como “dragão”. Tanniyn parece ter sido algum tipo de réptil gigante. Estas criaturas são mencionadas quase trinta vezes no Antigo Testamento e são encontradas tanto em terra quanto no mar.


Além de mencionar estes répteis gigantes quase trinta vezes no Antigo Testamento, a Bíblia descreve algumas criaturas de tal modo que alguns estudiosos acreditam que os escritores poderiam estar descrevendo dinossauros. Behemoth é descrita como a mais poderosa de todas as criaturas de Deus, um gigante cuja cauda é comparada à árvore de cedro (Jó 40:15 em diante). Alguns estudiosos tentaram identificar Behemoth como um elefante ou hipopótamo. Outros dizem que tanto elefantes quanto hipopótamos têm caudas muito finas, nada que se possa comparar ao cedro. Os dinossauros como o Braquiossauro e o Diplodocus, por outro lado, tinham caudas enormes que poderiam facilmente ser comparadas à árvore do cedro.

Quase toda a civilização antiga tem algum tipo de arte descrevendo criaturas répteis gigantes. Desenhos ou entalhes sobre rocha, artefatos e até pequenas estátuas de barro descobertas na América do Norte se parecem com representações modernas de dinossauros. Entalhes em rochas na América do Sul representam homens montando criaturas parecidas com o Diplodocus e, assombrosamente, assemelham-se com imagens familiares como o Triceratops, Pterodáctilo e Tiranossauro Rex. Os Mosaicos romanos, a cerâmica maia e muros da cidade babilônica são testemunhos dessa fascinação cultural e geograficamente sem fronteiras do homem com essas criaturas. Sérias narrativas como as de Il Milione de Marco Polo se mesclam com fantásticos contos de bestas que acumulam tesouros. Narrações atuais de observações sobrevivem, apesar de serem tratadas com espantoso ceticismo.

Além do volume substancial de evidências antropológicas e históricas a favor da coexistência de dinossauros e homens, há outras evidências físicas, como as pegadas fossilizadas de humanos e dinossauros, descobertas juntas em lugares da América do Norte e oeste da Ásia central.

E você, o que acha?


Alienígenas

Olá, faz quase um mês em que não faço algum post, pois estou trabalhando num modelo novo para o blog, mas vamos quebrando isso aos poucos, pois já até recebi reclamações em meu e-mail e blá, blá, blá, enfim, vamos voltar ao post... 





Alienígenas... Você acredita que existem? Possui medo deles? Deveríamos mesmo ter medo deles? Essa, é uma resposta em que não podemos nem tentar pensar muito, que até ficamos loucos, acreditem, há um sanatório na Bulgária (não me perguntem o nome) onde 90% dos pacientes são loucos perturbados pela Exobiologia.

Mas enfim. Nosso primeiro tópico: Existem alienígenas? A resposta vem de cada pessoa. Estamos num vasto espaço. A Terra é um pequeno ponto comparado ao Sistema Solar, e o Sistema Solar zilhões de vezes menor que um vírus em relação ao Universo todo, sem contar todas as somas de possíveis dimensões ligadas uma as outras, mas isso não vem ao caso agora, isso é um outro assunto de um outro post. E a questão que vem é: Porque só nós, onde nós mesmos não significamos nada?

Podemos abrir nossa própria teoria de que cada "Sistema Solar" possui sua população? Nessa tese, se supormos que cada galáxia possua 500 mil Sistemas Solares (suposições pessoal), então a Via Láctea teria cerca de 500 mil formas de vida, e se juntássemos mais duas galáxias, seriam 1.500.000 de formas de vida. Mas isso são apenas suposições.

Dizemos Sistemas Solares, mas quem garante que em outros planetas, os seres vivos necessitem propriamente de Oxigênio, calor solar entre outras? Podiam muito bem ser provenientes de outros tipos de matérias e formas de energia. Tal como sugere o filme Transformers. Pra muitos é uma história idiota e sem sentido, mas ela aborda diretamente a teoria de que nossos elementos não sejam os essenciais para outras formas de vida...

E há também vida microscópica, porque não? Há algumas bactérias terrestres que suportam viver nas bocas dos vulcões, porque não haveria bactérias que suportariam viver num planeta quente como Vênus, ou num planeta frio como Netuno? Ou até mesmo formas humanoides.

- COMO SÃO OS ALIEN?

Bom, para começar, NÓS MESMOS SOMOS ALIENS. Sim, isso mesmo. Existindo realmente outras formas de vida no Universo, para eles somos Aliens. Curiosos não?

Mas sempre pensamos... Como eles são? Como andam?  A primeira coisa que vem na cabeça de uma pessoa quando se fala em alienígena são homenzinhos verdes com antes na cabeça e olhos enormes. Mas... Porque não poderiam ser humanos? Já pensaram se os aliens um dia nos visitassem, e nos deparássemos com humanos? Obviamente, não com a mesma linguagem nossa, nem forma de vestir (mas, não impossível, não é?).

Diversos filmes mostram suas formas de alienígenas, vamos demonstrar algumas:

Avatar (2009)



O filme Avatar, descreve seus aliens como humanoides, com cerca de 3 metros de altura, chamados localmente de Na'vi

Transformers (2007)


A franquia de filmes Transformers, os descreve como "robôs" (intitulados assim por nós, pois, como suas teorias, poderia ser um tipo de material metálico desconhecido), que, como dito no começo, teve sua própria criação com o chamado "O Cubo". (E aliás, ano que vem vai sair Transformers 4... Hiper mega power ansioso)

Independence Day (1996)


Já o filme estadunidense Independence Day, já foi mais além com seus aliens. O fizeram com certa estrutura humanoide misturada com dinossauro (basta ver suas mãos [é para ser mãos]). O filme conta uma visita nada amigável de aniquilação.

Alien vs. Predador


Alien vs. Predador. Ótimo filme na minha opinião. Nesse filme, os reais "aliens", são os predadores, que são venerados desde a antiguidades como deuses, por antigos povos da Antártida. No caso os "aliens", são seres criados pelos próprios Predadores, onde os humanos precisam devolver certas armas para que os Predadores matem os Aliens.

Prometheus (2012)


Prometheus conta a história dos "Engenheiros" da humanidade. Seus aliens são completos humanos, com apenas algumas diferenças físicas, e sua coloração corporal. Apesar de ser um filme muito bom, ele deixa muitas coisas vagas, onde o tema principal é basicamente encontrá-los, e que esses Engenheiros querem aniquilar a Terra.


MIB - Homens de Preto (1997)


A franquia de filmes MIB, homens de preto, utiliza toda a fértil imaginação dos criadores para criarem seus aliens estranhos e bizarros. Eu particularmente nunca entendi o enredo e sentido desse filme, mas acho ele legal.

- SOMBRAS DO PASSADO

Há uma uma coisa muito mais curiosa também. São as chamadas sombras do passado. É mais ou menos assim, vou tentar simplificar. O Sol, fica a 8 minutos-luz da Terra, ou seja, a luz leva 8 minutos para chegar até aqui. Um planeta há 5 milhões de anos-luz, leva 5 milhões de anos para sua luz chegar até aqui, ou seja, se ela viesse a morrer, veríamos ela por mais 5 milhões de anos. Pois por isso mesmo, quando com um super telescópio observamos um planeta a cerca de 2 mil anos-luz da Terra, vemos sua imagem de 2 mil anos atrás, ou seja, seu passado. Nada no Universo é em tempo real. Sendo assim, se há um planeta a cerca de 230 milhões de anos-luz da Terra, nos observando com um super-ultra-mega-power-ultimate telescópio, estaria vendo os dinossauros procriando... Curioso não? Sendo assim, desviamos da teoria de que estamos sendo observados...



Bom pessoal, esse post fica por aqui. Logo, virei com mais teorias alienígenas...

17 de out de 2013

5 Mulheres Demoníacas

1 - Blood Mary


Se você está pensando que estamos nos referindo àquela famosa bebida ou à "Bruxa do Espelho", na verdade, estamos falando sobre a malvada que inspirou esse nome: a Rainha Maria I da Inglaterra, apelidada carinhosamente de “a sanguinária”. Bloody Mary era católica fervorosa e ficou conhecida dessa forma por ordenar a execução de aproximadamente 300 protestantes, na tentativa de restaurar o catolicismo na Inglaterra durante o século 16.

2 - Condessa Sangrenta


A húngara Isabel Bathory, ou Condessa Sangrenta, como ficou conhecida, era uma bela nobre que por alguma razão maluca passou a acreditar que, para evitar o envelhecimento, deveria beber e se banhar com o sangue de mulheres jovens. Foi então que a condessa começou sua saga de torturas e assassinatos — estimados em mais de 650! — para encher sua banheira e cálices, até que ela foi condenada a passar a vida presa em uma torre no século 17.

3 - Madame Popova


Conhecida por esse carinhoso codinome, a russa Madame Popova foi uma assassina de aluguel responsável pela morte de mais de 300 homens. Sua motivação era a de livrar mulheres desesperadas de seus maridos violentos e abusivos. A matadora acabou sendo presa e condenada, sendo executada em 1909 por um pelotão de fuzilamento.

4 - Amelia Dyer


Dyer era o que na Inglaterra vitoriana se conhecia como “baby farmer”, ou seja, ela adotava bebês ilegítimos por uma soma de dinheiro. No entanto, Dyer sofria de problemas mentais e apresentava tendências suicidas, além de ter um histórico de consumo de drogas e de ter passado por várias instituições mentais. Ela foi a responsável pelo assassinato de um número estimado entre 200 e 400 bebês, que ela estrangulava com uma fita branca e jogava em rios.

5 - Leonarda Cianciulli


Embora a senhorinha da imagem acima tenha apenas 3 mortes em seu currículo — bem menos do que as “demônias” anteriores —, sua história é tão maluca que merece um lugar nesta matéria. Leonarda era muito supersticiosa e passou a acreditar que precisava realizar sacrifícios humanos para evitar que o seu filho mais velho fosse enviado à guerra. Assim, ela selecionou três pobres vizinhas, as quais ela drogou e depois matou a machadadas.

Não feliz com isso, Leonarda esperou que o sangue acumulado coagulasse para, então, levá-lo ao forno e fazer uma farinha que ela usou como ingrediente especial em bolos que ela servia às amigas. Além disso, para eliminar as “evidências”, ela ferveu os corpos, usando a gordura — à qual ela acrescentou perfume — para fazer sabonetes, que Leonarda presenteou a vizinhos e conhecidos. A louca foi presa em 1940, falecendo em 1970 em uma instituição mental.

7 de out de 2013

Krampnitz: Complexo Abandonado Militar Nazista e Soviético de Postdam


Vegetação está começando a tomar o antigo complexo.

Muros altos, portões e cercas de arame farpado cercam o antigo prédio abandonado. O assoalho range, ramos raspar contra janelas sujas, e as ervas daninhas invasoras rastejar dentro. Não é surpreendente que o local não atrai muitos visitantes, e intrépidos exploradores tendem a encontrar-se sozinho, exceto por lembretes assustadores dos antigos ocupantes da instalação, incluindo um mosaico imponente de uma águia nazista - um símbolo do Terceiro Reich de Hitler - e jornais russos sobre a Guerra Fria.


Olhando ao redor, a pintura descascada e jardins crescidos, é difícil acreditar que os degradados edifícios antigos foram feitos pelo uso de dois regimes totalitários poderosos. Mas este é exatamente o propósito Krampnitz servido. Localizado à saída de Potsdam, na Alemanha, o complexo foi usado pela primeira vez para treinar oficiais de cavalaria mais promissores de Hitler e, em seguida, como um posto avançado da Guerra Fria Soviética até 1992 seu abandono.


Krampnitz foi construído em 1937 durante o período de rearmamento da Alemanha. Este foi um momento em que o Partido Nazista começou secretamente acumulando armas, que ferem as condições do Tratado de Versalhes. Olhando para quartos decadentes como este - com sua mofando características e peeling papel - é evidente que ninguém tem usado esse complexo por um longo tempo.


A cavalaria alemã foram os primeiros a fazer uso do enorme complexo. O Exército equitação e Escola de Condução, como era conhecido, era um centro de treinamento equestre para os oficiais nazistas mais talentosos. Pode ser difícil de imaginar agora, olhando para esta negligenciada, prédio cinza, mas na época era um lugar movimentado com os cavalos e os funcionários do Terceiro Reich.


O pensamento de tantos oficiais militares em trajes nazistas completos calmamente praticando seu cavalo é um pouco inquietante. Sem dúvida, os nazistas tomaram o cuidado melhor de seus animais valiosos do que aqueles que consideram "indesejáveis​​" e enviados para campos de concentração.


Embora pareça monótono e vazio agora, este quartel abandonado é uma prova da despesa e o esforço investidos na construção de Krampnitz. O teto, piso e paredes são de madeira e o teto são talhada. Estes definitivamente não eram seu quartel comum. Aqui, parece que alguém tenha retirado os lustres.


Depois de um longo dia de passeios, os oficiais da Krampnitz provavelmente teria sido ansioso para uma longa imersão na banheira. Há mais de 50 edifícios em Krampnitz, o que indica a enormidade do site. O complexo ainda teve seu próprio teatro, clube e campo de tênis - muito longe do campo de batalha, e anos-luz de distância das condições em que muitos dos nazistas oficiais prisioneiros foram mantidos.


Muitos dos edifícios em Krampnitz foram utilizados para o armazenamento, e a parede da tela aqui sugere-nos que este era um deles. Gostaríamos de saber o quanto os alemães levaram com eles quando eles abandonaram o complexo em abril de 1945, no final da Segunda Guerra Mundial. Mas o complexo não estava vazio por muito tempo. Krampnitz foi tomada pelos russos, apenas um dia depois de os alemães deixaram.


Fotógrafo Foantje tirou essa foto de um cofre, enquanto ele estava escondendo o que ele suspeitava que era segurança do edifício. Ser pego em algum lugar sem a permissão é um dos perigos da exploração urbana. "Nós sempre temos um código, se alguém está lá para que nós não temos que fazer muito barulho ou grito ou algo parecido", diz Foantje.


Os soldados soviéticos estacionados na Krampnitz pertencia à Guarda 35 Motor Divisão de Rifle, ou, como eram chamados quando eles se mudaram, a 1 ª Divisão Mecanizada. Estes militares eram parte do Exército Vermelho durante a Segunda Guerra Mundial e passou a envolver-se na ocupação russa da Alemanha Oriental durante a Guerra Fria. As condições no complexo não pode ter sido tão luxuoso quanto eles estavam sob os nazistas. Revestiram as paredes com os jornais da década de 1980 que se especula por exploradores foram utilizados para o isolamento.


Segundo rumores, Krampnitz era um local de filmagem para 2009 filme de guerra Bastardos Inglórios, de Quentin Tarantino. Embora seja verdade que algumas das filmagens foi feita em Potsdam, não há nenhuma confirmação de que o filme foi gravado em Krampnitz. Ele também pensou que 2001 Inimigo filme de Jean-Jacques Annaud At the Gates foi filmado aqui.


Visitantes de Krampnitz disseram em relatório sentindo um clima estranho no complexo em ruínas e muitas vezes afirmam ser lembrado dessa parte do passado conturbado do mundo. "Trazer toda essa história de vida - não é em um livro ou em um filme, é logo ali na frente", diz explorador Jonny Whitlam. O mosaico nazista e as pichações russo bizarro no sótão certamente acrescentar a estas sensações.


Quando a União Soviética se desfez, as suas instalações na Alemanha foram abandonadas. Dias de glória do Krampnitz são definitivamente muito longe, e a instalação está caindo lentamente para a ruína. Quem sabe quanto tempo será antes que seja eventualmente demolido para dar lugar a algo brilhante e novo? Entretanto, não há dúvida de que o complexo é um lugar interessante para explorar.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...